A palavra e o mar

PÔSTER - XVII Congresso Internacional ABRALIC

Eliezio Furtado dos Santos Junior

ORIENTAÇÃO: Maria Aracy Bonfim

RESUMOS: Esta pesquisa aborda as ocorrências intertextuais entre os romances Avalovara, publicado em 1973 pelo escritor brasileiro Osman Lins e Moby Dick, publicado em 1851 pelo escritor norte-americano Herman Melville. Com a leitura das obras A intertextualidade (2008), de Tiphaine Samoyault e Literatura Comparada (2006), de Tânia Franco Carvalhal, objetivou-se compreender como se dá a intertextualidade nos romances, e construir uma comparação entre ambos. Com a análise dos intertextos, foi possível identificar nas duas obras o tema central da busca, tema que é universal à literatura e que remonta desde a tradição clássica, como a jornada de Ulisses na Odisseia, de Homero, representando, assim, a jornada de um herói cheia de aventuras e eventos inesperados. Em Avalovara, Abel, o protagonista do romance, ao cair no fundo de uma cisterna, como em uma espécie de anunciação, vislumbra uma Cidade. Dez anos se passam e ele se encontra em busca dessa Cidade em meio a amores, a descobertas e a opressão, ainda que ele não saiba ao certo o sentido de sua busca. Já em Moby Dick, o capitão Ahab busca na imensidão dos mares a baleia branca, tentando vingar-se e recuperar seu poder perante o mar. É importante ressaltar que esse tema central presente nas obras, também figura na vida dos próprios autores. Osman Lins afirmou em seu livro O Evangelho na Taba (1979) que a busca mal-sucedida pela fotografia de sua mãe, que ele nunca chegou a conhecer, o persegue e entra em seus livros. Sobre Herman Melville, Albert Camus afirmou que o tema esteve presente em toda a sua obra, como se o autor de Moby Dick escrevesse uma mesma obra, recomeçando-a infinitas vezes, onde não se sabe ao certo aonde se quer chegar. Também foi possível identificar que não havia somente alusões explícitas a Moby Dick no romance Avalovara, mas também houve similaridades metafóricas entre as duas obras, como a busca empreendida pelas personagens como metáfora da tentativa de compreensão dos segredos da vida e do mundo.

PALAVRAS-CHAVE: Avalovara; Moby Dick; intertextualidade; busca.

REFERÊNCIAS: CAMUS, Albert. Herman Melville. Tradução de Camila de Moura. In: MELVILLE, Herman. Moby Dick, ou a baleia. Tradução de Irene Hirsch e Alexandre Barbosa de Souza. 1ª. ed. São Paulo: Editora 34, 2019. CARVALHAL, Tânia Franco. Literatura comparada. 4ª. ed. rev. e ampliada. São Paulo: Ática, 2006. LINS, Osman. Avalovara. 6ª. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2005. LINS, Osman. Evangelho da Taba: novos problemas inculturais brasileiros. São Paulo: Summus, 1979. MELVILLE, Herman. Moby Dick, ou a baleia. Tradução de Irene Hirsch e Alexandre Barbosa de Souza. 1ª. ed. São Paulo: Editora 34, 2019. SAMOYAULT, Tiphaine. A intertextualidade. Tradução Sandra Nitrini. São Paulo: Aderaldo & Rothschild, 2008.